Destaque Geral Noticias

Primeira-dama participa de mais uma rodada de entrega da campanha Vacina Solidária

Os beneficiários foram o Abrigo Bom Jesus de Cuiabá e a Associação das Mulheres Sopão das Guerreiras.

 

 

A primeira-dama Márcia Pinheiro participou da segunda rodada de entrega de alimentos oriundos da campanha Vacina Solidária, realizada nesta quinta-feira (06). Os beneficiários foram o Abrigo Bom Jesus de Cuiabá e a Associação das Mulheres Sopão das Guerreiras, além de outras comunidades e instituições que receberam mais de 500 cestas básicas, num total de 1 mil já entregues à população, até o momento. 

“Agradecemos muito a primeira-dama pela doação que iremos ajudar as 60 famílias que atendemos na região. Na situação que as pessoas estão, veio em boa hora”, disse Ilda Lopes da Costa, moradora da região do Serra Dourada.

Segundo Márcia, existem outras 50 instituições já mapeadas pela Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência que receberão os alimentos em entregas programadas para a próxima semana. 

Chegamos a um mês de campanha com uma arrecadação considerável, muito engajamento das pessoas e não perdemos tempo e estamos direcionando todo esse alimento para quem precisa. É uma união de esforços do poder público, iniciativa privada e a população mostrando que todos tem sua parcela de responsabilidade social”, destacou. 

A campanha Vacina Solidária é uma iniciativa promovida em todo o Brasil que teve Cuiabá como uma das primeiras cidades a aderirem a ação solidária que já é replicada em algumas cidades de Mato Grosso como Chapada dos Guimarães. 

A ideia é pedir à população 1 kg de alimento não perecível que podem ser entregues nos postos de vacinação durante a ida das pessoas que estão aptas para a imunização. 

Em Cuiabá são cinco postos de vacinação: Centro de Eventos do Pantanal, Sesi Papa, Sesc Balneário, Universidade Federal de Mato Grosso e estacionamento da Assembleia Legislativo. 

“Continuamos pedindo doações. Ela não é consignada a vacina, é voluntária, mas que os que podem se conscientizem porque estará ajudando uma família que passa dificuldade em decorrência da pandemia”, frisou a primeira-dama.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Itens relacionados