Destaque Noticias Variedades

Pessoas que tomaram primeira dose de Pfizer há 56 dias e estão agendadas para outubro poderão antecipar a segunda

A medida só é possível porque Cuiabá recebeu doses suficientes do imunizante para o mês de outubro

ROBERTA PENHA

Por determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, a partir desta semana todas as pessoas que tomaram a primeira dose de Pfizer há pelo menos 56 dias e que estão marcadas para tomar a segunda dose em outubro poderão adiantar a vacina. Essa antecipação só é possível porque a campanha de vacinação em Cuiabá recebeu doses suficientes de Pfizer para o mês de outubro.

Para antecipar a dose da Pfizer, a pessoa deve ir a qualquer polo de vacinação, incluindo os que funcionam em unidades básicas de saúde, após 8 semanas da primeira aplicação, levando o cartão de vacinação e um documento com foto.

“Nosso objetivo é vacinar a população o mais rápido possível, para que possamos vencer a guerra contra o coronavírus. Com a liberação do Ministério da Saúde para antecipar a segunda dose de Pfizer de 12 para 8 semanas e com o número de vacinas que recebemos, temos condições de anteciparmos a segunda dose das pessoas aprazadas para outubro”, disse o prefeito.

De acordo com a coordenadora da campanha de vacinação, Valéria de Oliveira, cerca de 20 mil pessoas poderão antecipar as doses de Pfizer. “É importante ressaltar que só poderá antecipar a vacina quem tomou a primeira dose há no mínimo 56 dias. Quem tomou a D1 há menos tempo, não poderá antecipar. Contamos com a colaboração de toda a população para que possamos adiantar a aplicação de D2 de maneira organizada e responsável”, comentou Valéria.

Até o momento, 92,6% de toda a população elegível (acima de 18 anos) já tomou a primeira dose da vacina contra o coronavírus e 53,8% já está com o esquema vacinal completo, por ter tomado a segunda dose ou vacina de dose única. Foram aplicadas ao todo até esta quarta-feira (29), 658.869 mil doses, o que corresponde a 78,5% de todas as vacinas recebidas pela capital.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Itens relacionados