Destaque

Novo Programa Siminina e homenagem à Serginho são aprovados pela Câmara Municipal

    Na sessão ordinária realizada pela Câmara Municipal de Cuiabá na manhã desta quinta-feira (24), foram aprovadas 12 (doze) mensagens do executivo, em fase única de votação. Dentre elas, a mensagem do Executivo nº 068/2020 que dispõe sobre a recriação do Programa Siminina, tornando-o definitivamente como política pública no município de Cuiabá, regulamentado agora …

 

 

Na sessão ordinária realizada pela Câmara Municipal de Cuiabá na manhã desta quinta-feira (24), foram aprovadas 12 (doze) mensagens do executivo, em fase única de votação.

Dentre elas, a mensagem do Executivo nº 068/2020 que dispõe sobre a recriação do Programa Siminina, tornando-o definitivamente como política pública no município de Cuiabá, regulamentado agora em forma de lei.

Desenvolvido desde o ano de 1997, o então Projeto Siminina começou atendendo no Centro Familiar João Rossi Neto, localizado no bairro Santa Isabel, meninas entre 7 e 14 anos que se encontravam em risco social.

Na época, 50 (cinqüenta) meninas começaram a receber orientações sobre saúde, relações familiares, vida sexual e formação escolar. Desde então, o projeto sofreu várias alterações e foi ampliado para outros bairros.

Neste ano, o Programa Siminina completou 23 anos de existência acumulando uma experiência comprovada nos serviços prestados às crianças e adolescentes, melhorando sua qualidade de vida e dando-lhes melhor perspectiva em sua formação.

Atualmente, o Siminina conta com 18 (dezoito) unidades em pleno funcionamento nas quatro regionais de Cuiabá, atendendo anualmente cerca de 1.350 crianças e adolescentes com idade de 06 a 14 anos.

Outra mensagem aprovada foi a de nº 061/2020 que cria e denomina de Sérgio Luiz Ferreira da Silva – “CMEI Serginho”, o Centro Municipal de Educação Infantil localizado no bairro Parque Geórgia, na Capital.

Sergio Luiz Ferreira da Silva, Serginho como era conhecido, nasceu em Cuiabá no ano de 1999. Ele possuía uma doença rara de pele chamada Epidermólise Bolhosa, que tinha um caráter genético e hereditário, marcada pelo surgimento de bolhas em todo o corpo.

Serginho foi um guerreiro desde o seu nascimento, deixando um grande legado de positividade e enfrentamento da vida com muita alegria, fé e esperança. Ele faleceu aos 19 anos de idade.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Itens relacionados