Destaque

Morre a matriarca da família Campos, dona Amália Curvo de Campos, vitima do Covid-19

O comunicado foi feito por Jayme em sua rede social e reforçado pelo irmão dele, o ex-governador Júlio Campos.   Morreu no final da noite de quarta-feira (10), a ex-primeira-dama de Várzea Grande, mãe do senador Jayme Campos (DEM) e do ex-governador Júlio Campos, Amália Curvo de Campos, aos 96 anos, vítima da Covid-19. Dona …

O comunicado foi feito por Jayme em sua rede social e reforçado pelo irmão dele, o ex-governador Júlio Campos.

 

Morreu no final da noite de quarta-feira (10), a ex-primeira-dama de Várzea Grande, mãe do senador Jayme Campos (DEM) e do ex-governador Júlio Campos, Amália Curvo de Campos, aos 96 anos, vítima da Covid-19.

Dona Amália estava internada no Santa Rosa, em Cuiabá. Mas, ela não resistiu e acabou falecendo por volta das 23h30.

Em razão da pandemia da covid-19, a família, uma das mais tradicionais de Mato Grosso, não realizará velório. Haverá um cortejo que sairá do Hospital Santa Rosa, em Cuiabá, até o Cemitério Central São Francisco, em Várzea Grande. O sepultamento, segundo o senador, está marcado para às 11h30.

Dona Amália foi primeira dama duas vezes, nas décadas de 1950 e 1960, quando Júlio Domingos de Campos, o Seo Fiote, foi eleito prefeito. Também foi ativa na política local, participando da fundação dos partidos PSD, ARENA, PFL e o DEM.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Itens relacionados