Destaque

Fiscalização interdita estabelecimento e flagra bar na Praça Popular burlando horário de restrição

Fiscais da Secretaria de Ordem Pública (Sorp) autuou um bar na Praça Popular, na tarde de domingo (14) por descumprimento ao decreto estadual n° 836. o Estabelecimento estava funcionando em horário proibido. Foi lavrado auto de infração com multa no valor de R$ 3 mil e o público foi dispersado para encerramento das atividades no local. …

Fiscais da Secretaria de Ordem Pública (Sorp) autuou um bar na Praça Popular, na tarde de domingo (14) por descumprimento ao decreto estadual n° 836. o Estabelecimento estava funcionando em horário proibido. Foi lavrado auto de infração com multa no valor de R$ 3 mil e o público foi dispersado para encerramento das atividades no local.

 

Ainda, durante este final de semana, foram registrados:  01 Auto infração e 01 Termo de Interdição na avenida General Mello; 01 Auto de infração no bairro Duque de Caxias; 01 Auto de Infração na Av. República do Líbano, no Bairro Alvorada e 01 Auto de Notificação na Região Norte da Capital.
O secretário da pasta de Ordem Pública pede para a população “ter consciência do perigo  que o mundo está vivendo”. “Este momento é de ter consciência e não aglomerarmos e entendermos que esse vírus tem uma facilidade de ser transmitido. Não podemos só pensarmos em  aplicar somente multas, pois, temos a consciência de que este é um momento de crise e muitos empresários estão tendo dificuldades. Pedimos por favor, cumpram o decreto  neste momento”, pede Sales.
A Secretaria de Ordem Pública trabalha mediante a recebimentos de denúncias e não tem prerrogativa de investigar onde ocorrem aglomerações ou festas clandestinas.  E é por isso que a Secretaria disponibiliza o número  (65- 3616-9614) para que a população denuncie esses tipos de eventos que descumprem as medidas de biossegurança. A população também pode realizar denúncias no 190 da Polícia Militar.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Itens relacionados