Destaque

Defesa Civil de Cuiabá monitora o trabalho de rescaldo do incêndio que atingiu lojas no Porto

Após o resfriamento do local, será feita análise sobre as condições estruturais dos prédios   A Defesa Civil de Cuiabá continua monitorando o local do incêndio que atingiu três lojas na região do Porto, no último sábado. Nesta segunda-feira (7), homens do Corpo de Bombeiros Militar continuam no local apagando os focos de calor localizados …

Após o resfriamento do local, será feita análise sobre as condições estruturais dos prédios

 

A Defesa Civil de Cuiabá continua monitorando o local do incêndio que atingiu três lojas na região do Porto, no último sábado. Nesta segunda-feira (7), homens do Corpo de Bombeiros Militar continuam no local apagando os focos de calor localizados nos fundos da Realmat Atacadista.

O diretor da Defesa Civil de Cuiabá, José Pedro Ferraz Zanetti explicou que enquanto os focos de calor não forem extintos o local oferece riscos.

“Após extinguir os focos, é necessário o resfriamento do prédio e, somente então, a Defesa Civil poderá entrar no local. A previsão é de que isso possa acontecer na próxima quarta-feira. Por enquanto o trabalho da Defesa Civil é monitorar o local”, disse Zanetti.

Quando for autorizada a entrada no local a Defesa Civil fará a análise das estruturas ainda existentes, para verificar se precisarão ou não serem demolidas. As causas do incêndio só serão conhecidas a partir do laudo do perito do Corpo de Bombeiro Militar e da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

Pela manhã, funcionários das lojas retiravam bicicletas da loja atingida, a Ciclo Ribeiro.

Incêndio

O incêndio, que atingiu a Realmat, uma loja de bicicletas, a Ciclo Ribeiro e uma lotérica, localizadas na Avenida XV de Novembro no bairro do Porto, teve início por volta das 21 horas do último sábado (5). Durante toda a noite equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil estiveram no local.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Itens relacionados