Destaque

Com emenda parlamentar instituto lança edital para bolsistas que cursam Ciências Sociais, Turismo ou Comunicação Social

Através de Emenda Parlamentar destinada pelo Deputado Estadual Dilmar Dal Bosco (DEM) ao Instituto INCA – Inclusão, Cidadania e Ação, no valor de R$ 400 mil reais, para atuarem em projeto de preservação da identidade cuiabana.   O Edital de processo seletivo foi lançado na última quarta-feira (17) para a contratação temporária e imediata de jovens …

Através de Emenda Parlamentar destinada pelo Deputado Estadual Dilmar Dal Bosco (DEM) ao Instituto INCA – Inclusão, Cidadania e Ação, no valor de R$ 400 mil reais, para atuarem em projeto de preservação da identidade cuiabana.

 

O Edital de processo seletivo foi lançado na última quarta-feira (17) para a contratação temporária e imediata de jovens estudantes que residem em Cuiabá e que cursam graduações em Ciências Sociais, Turismo ou Comunicação Social, com ênfase em Jornalismo, a partir do terceiro semestre.

São seis vagas para bolsistas, com remuneração de R$ 600 mensais, sendo uma para pessoa com deficiência, para dois meses de trabalho voltado ao projeto “Quintal da Cultura Popular Cuiabana”.

Dilmar Dal Bosco falou sobre a importância dos Quintais e sobre o lançamento do edital para bolsistas atuarem no projeto de preservação da identidade cuiabana.

“Entendemos que os Quintais precisam de maior atenção, tanto na preservação da memória, quanto na valorização. Desta forma, precisamos catalogar e identificar, através do Instituto INCA, para que esse relatório possa ser concluído e possamos saber sobre a identidade cultural na capital do estado. A partir disso,  iniciarmos no interior, que possui diversos Quintais espalhados pelos 141 municípios de MT” finalizou Dilmar.

Diretora-presidente do INCA, Cybele Bussiki, explicou que a iniciativa quer fazer com que os jovens passem a entender o que é identidade, memória e patrimônio histórico e cultural.

“O objetivo do projeto é de valorizar e preservar a identidade, a memória e o patrimônio histórico dos quintais cuiabanos. A ideia é aproximar a juventude e também inserir a tecnologia, justamente para que os jovens possam se interessar e gerar renda com esse saber, entendendo o que é identidade, memória e patrimônio histórico e cultural. Em breve, após as contratações, lançaremos o conceito do projeto”, explica Cybele Bussiki, diretora presidente do INCA.

A inscrição no edital é gratuita, para maiores de 18 anos de idade, e o candidato deverá elaborar um texto de até cinco páginas com temática: “As culturas populares do vale do Rio Cuiabá”, considerando as formatações exigidas no edital, de fonte Times News Roman, número 12, com espaçamento de 1,5 e enviar, junto com as cópias dos documentos de RG, CPF, histórico escolar e comprovantes da matrícula e de residência, para o e-mail: [email protected], no período de 17 a 22 de março de 2021.

A lista de selecionados será divulgada no próximo dia 26 de março, às 19h, nas redes sociais do Instituto INCA – Inclusão, Cidadania e Ação, pelo Instagram no @incamt ou pela página do Facebook “Instituto Inca MT”. Dúvidas e mais informações pelo telefone (65) 98472-7156 ou pelo e-mail [email protected]


Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Itens relacionados