EsportesNotícias

Neymar marca duas vezes em goleada do PSG e noite histórica para Cavani

Neymar marca duas vezes e Cavani se tornou o maior artilheiro da história do clube (Foto: FRANCK FIFE / AFP)

A goleada do Paris Saint-Germain sobre o Montpellier por 4 a 0 no Parque dos Príncipes neste sábado pelo Campeonato Francês foi histórica. Isso porque os dois gols primeiros da partida, anotados por Cavani e Neymar, representaram a quebra de marcas icônicas para a equipe da capital francesa. Na segunda etapa, Di María e novamente Neymar finalizaram o placar.

O tento anotado pelo uruguaio foi de número 157 com a camisa da equipe, o que significa que o centroavante ultrapassa Ibrahimovic na artilharia máxima do clube. Pouco tempo depois, Neymar converteu uma penalidade que representou o gol de número 2000 do histórico estádio do clube.

Com a vitória, o PSG aumenta ainda mais a sua distância na liderança do Campeonato Francês. Com os três pontos deste sábado, a equipe chega aos 59 e vê sua vantagem sobre o Lyon, que ainda joga na rodada, aumentar para 11 pontos.

O jogo – O Paris Saint-Germain tomou conta do jogo desde os primeiro minutos. Logo aos dois minutos, Draxler recebeu cara a cara com o goleiro e tentou a cavadinha, a bola acabou passando ao lado do gol.

Pouco tempo mais tarde, Neymar recebeu boa bola pelo lado esquerdo e lançou Rabiot em profundidade. O francês cruzou para dentro da área e encontrou Cavani dentro da pequena área. O uruguaio teve apenas o trabalho para empurrar para a rede e anotou o gol histórico, que lhe garantiu a liderança entre os maiores artilheiros da história do Paris Saint-Germain.

Aos 20 minutos, por pouco Cavani não aumentou ainda mais a sua gordura à frente de Ibrahimovic, porém o zagueiro foi bem no lance e conseguiu o desvio que impossibilitou o gol do uruguaio.

Sem ser incomodado pelo Montpellier, os parisienses seguiram pressionando os adversários. Após uma linda jogada individual de Di María pela ponta direita, o argentino cruzou muito bem para Draxler, porém o alemão acabou cabeceando por cima do gol.

Um minuto mais tarde, em jogada muito parecida, o argentino novamente encontra Draxler na área. Desta vez porém o jogador prefere dominar e finalizar com um chute, que foi desviado pela zaga adversária com a mão. A arbitragem confirmou o pênalti e Neymar foi para a cobrança e converteu, aumentando a vantagem do time da casa.

Ainda no primeiro tempo, Di María fez nova jogada individual pela direita e viu seu cruzamento chegar para Neymar. O brasileiro consegue fazer um bom jogo de corpo para se desmarcar do marcador e arriscar. O goleiro do Montpellier foi obrigado a fazer uma nova boa defesa.

Na segunda etapa, as duas equipes pareciam já conformadas com o resultado. Sem ninguém se arriscar muito nas jogadas ofensivas, a primeira boa chance do segundo tempo aconteceu apenas aos 20 minutos, quando o volante Sambia arriscou de fora da área e exigiu a primeira grande defesa de Aréola na partida.

A tentativa do Montpellier acordou os donos da casa, que voltaram a pressionar. Quatro minutos mais tarde, Pastore fez um lindo lançamento para Meunier. O belga foi até a linha de fundo e rolou para trás para Di María bater de primeira e ampliar a vantagem para os donos da casa.

Mesmo com a vantagem de três gols, a equipe vermelha e azul seguiu pressionando. Aos 36, Di María fez nova linda jogada pela direita e colocou Cavani dentro da área. O uruguaio arrisca o chute e acaba errando. No entanto, Neymar estava bem posicionado dentro da pequena área e acaba aproveitando a bola para ampliar o placar e transformar a vitória em goleada.

Por Gazeta Esportiva 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar