DestaqueNotíciasPolítica

Medeiros filia-se no Podemos

Sem espaço no PSD, Medeiros assina ficha de filiação do Podemos

O senador José Medeiros deixou o Partido Social Democrático (PSD) e assinou ficha de filiação do Podemos, partido que está sendo criado pelos senadores Romário e Álvaro Dias. A expectativa do senador é que, em um novo partido, ele tenha condições de concorrer a um cargo majoritário no próximo pleito.

Isto porque Medeiros se vê sem espaço no PSD para disputar um cargo majoritário em 2018, já que o vice-governador Carlos Fávaro também quer entrar no páreo. Ao assinar a filiação na tarde desta terça-feira (22), o senador reforçou seu compromisso com o Brasil e com o estado de Mato Grosso.

“Os princípios continuam os mesmos, mas estou pronto para viver novas histórias. São vinte anos de militância política, e chegou a hora de mudar. Essa transição está acontecendo gradativamente. Desde o dia em que cheguei ao Senado da República tenho me esforçado para que o povo brasileiro retome o caminho da esperança. Hoje, a minha caminhada ganha um novo ciclo e o Podemos abre suas portas para que eu possa continuar a trabalhar em favor do Brasil e do meu querido estado de Mato Grosso. Queremos um amanhã muito melhor que hoje e isso nós Podemos!”.

O senador Álvaro Dias deu as boas-vindas ao senador. “José Medeiros é uma grata surpresa para todos nós que convivemos com sua presença diariamente no Senado Federal. É um homem ético, com senso de responsabilidade e muita vontade de trabalhar em favor do sofrido povo brasileiro. Mato Grosso tem um excelente senador que o representa. Seja muito bem-vindo, senador Medeiros”.

A presidente nacional do Podemos, deputada Renata Abreu, afirmou que Mato Grosso, em 2018, terá o partido participando das eleições. “Medeiros representa a renovação na política. Medeiros trabalha dia e noite para honrar Mato Grosso. Por tudo o que representa para o Brasil e para o estado, no Podemos, ele poderá ser julgado pelos mato-grossenses e, se Deus quiser, continuar sua trajetória de lutas por dias melhores”, enfatizou.

Artigos relacionados

Fechar