DestaqueGeralNotícias

Mato Grosso tem maior queda de nascimentos do Centro-Oeste; Brasil registra redução

Segundo estudo divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Mato Grosso apresentou queda no número de nascimentos entre 2015 e 2016. O estado teve variação de -6,8% no número de novos bebês durante o período, a maior taxa da região Centro-Oeste.

A redução é observada em todo o Brasil (-5,1%), fato que não ocorria desde 2010. Em 2016, 2.793.935 nascimentos foram registrados no país, mais de 150 mil a menos que em 2015, quando houve 2.945.344 registros. A região Centro-Oeste lidera no quesito, com redução de 5,6%. O Sul apresentou a menor queda, com -3,8%.

O estado de Pernambuco foi o que registrou a maior queda no volume de nascimentos (-10%). Roraima foi a única Unidade da Federação que apresentou aumento de nascimentos ocorridos e registrados entre 2015 e 2016, 3,9%.

A região da Baixada Cuiabana teve queda de 8,4% no número de nascimentos. A capital foi de 14.400 registros em 2015 para 13.236 em 2016.

Artigos relacionados

Fechar