NotíciasVariedades

Emilly Araújo se manifesta após ser acusada de entrar de penetra em festa de Tatá Werneck

Emilly Araújo/ Instagram

A vencedora do “BBB 17”, Emilly Araújo se envolveu em mais uma polêmica! Desta vez, a gêmea de Mayla foi acusada de entrar de penetra na festa de aniversário de Tatá Werneck, que foi realizada neste sábado (12), no Rio de Janeiro.

Tudo começou quando Tatá contou em seu perfil do Twitter, que não conhecia nem Emilly nem a irmã Mayla, que entraram em sua festa de aniversário sem convites.

“Não conhecia ela”, explicou Tatá nas redes sociais, sem esconder que Emilly e a irmã foram à festa por conta própria. “Tenho que ser sincera, pessoas que eu conheço não foram convidadas e reclamaram”, entregou Tatá.

Em outro post, a namorada de Rafa Vitti escreveu: “Sou amiga de muitos [ex-BBBs]! Apenas fui sincera! Pessoas próximas não foram chamadas porque tem um limite na casa e reclamaram. Se eu deixasse de chamar pessoas mais próximas pra chamar ela [Emilly] que não conheço apenas por ser famosa, eu estaria sendo uma babaca! Fui apenas honesta. É difícil se acostumar com sinceridade. Beijos e bom domingo”, escreveu a humorista nos comentários do Instagram.

E na noite deste domingo(13), Emilly utilizou a sua rede social para esclarecer a polêmica: “@Tatawerneck me ligou agora! Tudo n passou d um mal entendido.E graças a Deus serviu p fortalecer a amizade! Adoro e admiro muito ela”, disse ela explicando que tudo não passou de mal entendido.

Tatá também esclareceu o mal entendido com Emilly: “Amigos liguei pra @emillyaraujoof agora e desfizemos o mal entendido! E assim surgem as novas amizades! ”, disse ela colocando ponto final na polêmica.

Artigos relacionados

Fechar