EsportesNotícias

Corinthians pode usar Guilherme para quitar dívida com Coritiba por Kazim

A dívida do Corinthians com o Coritiba pela contratação do atacante Kazim pode ser abatida com outra negociação. Timão e Coxa discutem o empréstimo do meia-atacante Guilherme, pouco aproveitado pelo técnico Fábio Carille no clube paulista nesta temporada.

O Corinthians não pagou o valor de entrada de R$ 450 mil, vencida no mês de fevereiro, além da primeira das quatro parcelas de R$ 200 mil, que totalizam R$ 1,25 milhão.

De acordo com dirigentes corintianos, o Coritiba pediu o empréstimo de Guilherme e concordou em abater o montante referente à transação de Kazim.

O problema, porém, está em acertar os valores. Guilherme recebe R$ 360 mil mensais no Timão, valor considerado alto pela equipe paranaense. Caso o abatimento da dívida se confirme, o Corinthians aceita até pagar uma parte do salário ao longo desta temporada para reduzir sua folha.

O Coritiba não confirma que a dívida pela venda Kazim será cancelada com a contratação de Guilherme. De acordo com o diretor de futebol Alex Brasil, a prioridade do clube é receber o dinheiro pela transferência.

Mesmo com as poucas chances, Guilherme não manifestou interesse em deixar o Corinthians. Com a vida pessoal estabilizada em São Paulo, ele diz a pessoas próximas que está tranquilo e aguarda novas chances com Fábio Carille.

Seus empresários garantem não saber da possibilidade de negociação e reforçam que o jogador não tem interesse, neste momento, em trocar de cidade. Mesmo assim, não confirmam a permanência do meia caso a condição dele no elenco não mude.

Contratado no ano passado, Guilherme não conseguiu deslanchar com a camisa do Corinthians. O jogador alternou bons e maus momentos e participou de apenas três partidas em 2017.

Artigos relacionados

Fechar