BrasilDestaqueNotícias

Confira os principais concursos de 2018. Previsão é de 162 mil vagas

Após arrocho, o próximo ano promete ser movimentado para quem sonha em ingressar no serviço público

O ano de 2018 promete ser de bonança para quem sonha com uma vaga no serviço público. Após um longo período no qual a crise financeira levou gestores dos Três Poderes a adiarem nomeações, a expectativa é que o quadro se reverta nos próximos meses.

Segundo levantamento feito pela Associação Nacional de Proteção e Apoio aos Concursos (Anpac), serão abertas 162 mil vagas em todo o país, nas esferas federal, estadual e municipal.

“Vínhamos enfrentando uma série de restrições desde 2015, mas, neste ano, o governo federal sinalizou que separou um valor considerável para a realização de certames, o que comprova a intenção de contratar”
Marco Antônio Araújo Junior, presidente da Anpac

2018 será positivo. “Outros dois elementos importantes que reforçam a previsão de abertura de novas seleções são o déficit de funcionários nos principais órgãos públicos, como a Polícia Rodoviária Federal, e o crescimento exponencial de aposentadorias até 2022”, acrescentou.

Já estão previstos cerca de 40 certames federais – entre ministérios, institutos, agências reguladoras e corporações –, que oferecerão vagas para carreiras de nível médio e superior em diferentes regiões.

Afinal, as eleições podem atrapalhar?

O especialista explica uma dúvida de muitos estudantes sobre impedimentos devidos às eleições. “Há um mito de que não se pode ter concurso em ano eleitoral. Na verdade, o que é proibido é a posse do servidor de 90 dias antes da votação até o fim do mandato”, diz o presidente da Anpac.

Na prática, não poderão tomar posse os aprovados em cargos do Executivo federal de julho a dezembro de 2018. “Mas, nesse período, pode-se realizar concursos”, acrescentou.

De acordo com o professor de direito previdenciário Carlos Melo, do cursinho Campus, este é um bom momento para quem tem como objetivo ingressar na carreira pública. “Aqueles candidatos que já estão estudando com certeza sairão na frente. Mas ainda é possível iniciar a preparação e entrar na disputa”, disse.

Segundo Melo, a palavra-chave para garantir uma vaga é dedicação. Especialmente porque a concorrência será acirrada, principalmente nas seleções mais aguardadas pelos candidatos.

“É importante intensificar os estudos. A aprovação depende do esforço de cada um. Aqueles que desejam sucesso precisam traçar estratégias e aproveitar todo o tempo disponível para se dedicar ao aprendizado. Com base na ordem de importância de disciplinas, o candidato deve dividir seu tempo entre a teoria e a resolução de questões”, afirmou o especialista.

Rotina voltada à preparação
Quem segue à risca essas recomendações é Marcella Saldanha, 26 anos. Ela tentará uma vaga para o cargo de técnico legislativo no concurso da Câmara Legislativa do DF.

Atualmente, Marcella dedica 14 horas diárias à preparação, todos os dias da semana. “Costumo estudar das 8h às 22h, inclusive aos sábados e domingos. A motivação é o combustível. Quem não desiste da meta uma hora passa”, disse.

Confira alguns dos concursos previstos para 2018

Agência Brasileira de Inteligência (Abin): 300 vagas – 220 para oficial de inteligência, 60 para oficial técnico de inteligência e 20 para agente de inteligência

Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel): 148 vagas para níveis médio e superior

Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT): 720 vagas, sendo 307 para técnico em regulação, 52 para técnico administrativo, 316 para especialista em regulação e 45 para analista administrativo

Banco Central: 990 vagas para níveis médio e superior, sendo 150 para técnico, 400 para analista e 40 para procurador

Biblioteca Nacional: 132 vagas para níveis médio e superior

Casa de Rui Barbosa: 28 vagas para pesquisador e tecnologista

Fundação Nacional de Artes (Funarte): 200 vagas para diversos cargos, sendo 135 para nível médio e 65 para superior

Fundação Nacional de Saúde (Funasa): 459 vagas para níveis médio e superior

Fundação Palmares: 65 vagas para nível superior

Hospital das Forças Armadas (HFA): 150 vagas para níveis médio e superior

Instituto Brasileiro de Museus (Ibram): 306 vagas, sendo 82 para assistente técnico, 116 para técnico em assuntos culturais, 98 para analista e 10 para técnico em assuntos educacionais

Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama): 1.630 vagas, sendo 610 para técnico administrativo, 270 para analista administrativo e 750 para analista ambiental

Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio): 1.132 vagas, sendo 483 para técnico administrativo, 62 para técnico ambiental (nível médio); 546 para analista ambiental e 86 para analista administrativo (nível superior)

Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan): 516 vagas, sendo 236 para auxiliar institucional, 104 para analista e 176 para técnico

Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro): 435 vagas para níveis médio, médio/técnico e superior

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS): 7.580 vagas de níveis médio e superior, para os cargos de técnico, analista e perito

Marinha: 300 vagas para níveis médio, médio/técnico e superior

Ministério da Cultura: 102 vagas, sendo 33 de nível médio e 69 de superior

Ministério da Fazenda: 1.312 vagas parar diversos cargos de níveis médio e superior

Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços: 299 vagas para níveis médio, médio/técnico e superior

Ministério do Meio Ambiente: 118 vagas para agente (nível médio) e 38 para analista (nível superior)

Ministério do Trabalho e Emprego (MTE): 2.595 vagas para vários cargos de níveis médio e superior

Polícia Rodoviária Federal (PRF): 2.778 vagas para nível superior

Receita Federal: 2.083 vagas, sendo 630 para auditor-fiscal e 1.453 para analista-tributário

Superior Tribunal Militar (STM): 42 vagas, sendo 32 para técnico judiciário e 10 para nível superior

Por Metrópoles 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fechar
Fechar